Ir para o conteúdo

Um homem generoso – Aksel Smith

Como um dos primeiros que foi entusiasmado pelas revelações de seu irmão, Aksel Smith foi nos primeiros tempos um pilar principal na igreja, embora apenas tenha chegado a idade de 38 anos.

Como um dos primeiros que foi entusiasmado pelas revelações de seu irmão, Aksel Smith foi nos primeiros tempos um pilar principal na igreja, embora apenas tenha chegado a idade de 38 anos. Ele também foi o iniciador e coeditor pelo principal órgão da igreja, „Skjulte Skatter”, que já é publicado há mais de 100 anos.

Aksel Smith, nascido em Kristiansand no ano de 1880, era o irmão mais novo de Johan Oscar Smith e co-fundador da igreja cristã „Brunstad Christian Church“. Desde o início do século XX, Johan falava com seu irmão sobre a revelação que tinha recebido, quando os mesmos se encontravam, ou através de cartas. Depois de haver sido completamente ensinado por seus irmãos, sobre a vida de Jesus, finalmente Aksel também ficou entusiasmado por essa vida e batizado com o Espírito Santo. Esse foi o começo de uma vida curta, mas cheia de  conteúdo e de grande significado.

No livro ”Pastor e profeta” de Kåre Smith,  Aksel é descrito como um homem que „de suavidade incomum, bom, generoso em relação as pessoas“. Ao mesmo tempo ele foi um missionário ativo e foi entre os anos de  1906 até 1908 um amigo pessoal de T.B. Barrat da igreja pentecostal.

Mas o mais importante para Aksel era o cristianismo na prática – seguir o exemplo de Jesus em cada situação. Através de exortações importantes, boas obras e orações, Aksel Smith ganhou muitos corações de jovens e adultos. Sua vida foi uma luz para as pessoas (João 1, 4).

“Aqui no interior eu tenho uma vida eterna”

Aksel Smith não tinha boa saúde. Ele faleceu em 1919 com 38 anos com gripe espanhola. Embora isto tenha sido um grande prejuízo para a igreja e para seu irmão Johan, ninguém teve dúvida que ele tenha recebido uma entrada incomumente rica no reino dos céus. «Aqui no interior eu tenho uma vida eterna. Eu creio em Jesus Cristo», dizia Aksel indicando o peito, quando o médico disse a ele que não teria mais muita esperança para ele. Sua vida eterna «no interior» veio de seu temor á Deus sincero e sua fé em Deus. Também é importante destacar que seu primeiro artigo para  „Skjulte Skatter” levava o título „Oração é trabalho“. Ele fala do poder que reside em uma vida oculta de oração.

„Oração é poder, ela toca as forças eternas e as coloca em movimento; faz com que Deus negocie. É o serviço eterno diante do rosto de Deus. Esse serviço interno é o que satanás mais teme; por essa razão oração é um poder, o resultado de um trabalho espiritual intensivo, que tras grandes frutos aparentes.“

O pescador com dor de dente

Uma vez um velho pescador contou como estava na pesca no ano de 1914, e como conheceu a Aksel Smith então.
„Nesse ano a pesca estava fraca. A pega e os lucros eram muito pequenos. Enquanto pescava tive dores de dente terríveis. Foi tão terrível, que tive que parar a pesca e ir a Drøbak. Lá eu procurei um dentista, um homem muito religioso. Ele arrancou meu dente e tratou de minha ferida com muito cuidado. O dentista olhou para os outros dentes e disse para mim:

‚O senhor também tem algo do outro lado, que pode desenvolver dores muito fortes, se não tratarmos isso. Eu aconselho que venha novamente amanhã.‘

Eu não podia suportar a idéia de ter dor de dente novamente, e me decidi, voltar ao dentista no outro dia. Mas tinha apenas uma pergunta que me indignava: ‚Como eu deveria pagar isso, porque eu não tinha mais dinheiro.‘

Als ich am nächsten Tag wieder zu dem Zahnarzt fuhr, überlegte ich wieder, wie ich die Arbeit an meinen Zähnen bezahlen könnte. Er war ja bereits eine ganze Stunde damit beschäftigt gewesen.

Quando eu deveria pagar, perguntei: ‚Quanto custa?‘ ‚Não custa nada, meu bom homem‘, respondeu o dentista.

Para mim, parecia que ele tinha olhado dentro de mim, e visto o quanto as coisas estavam ruins para mim. Você já esteve num dentista assim?“, o velho pescador perguntou.

„Não foi tudo! Quando eu passava pelo mercado em Drøbak coloquei a mão no bolso da calça. Ali encontrei 20 coroas, que ele havia dado.“

Um autor ávido

No decorrer de sete anos Aksel escreveu mais de 150 artigos para  Skjulte Skatter, além disso mais 2 livros: „Erros na fé“ e „Os quatro degraus no desenvolvimento na vida de um cristão“. Esses escritos mostram pouco do conteúdo de sua vida e seu coração para as pessoas.

Aksel também escreveu uma série de hinos, que ainda hoje são de muita alegria e edificação para o canto de novos e velhos. Um desses hinos, número 111 no livro de cânticos Herrens Veier, „Os pensamentos de Cristo preenchem“  mostra um pouco da alegria que Aksel experimentou ao servir a Jesus. O primeiro verso segue abaixo:

Os pensamentos de Cristo preenchem
Pois meu interior, ricamente jorram no interior,
Cheio de alegria meu coração clama em alta voz:
Nós o caminho para o céu encontramos,
O reino de Cristo Christi foi criado,
No interior do coração surge esplêndido.

Aqui abaixo você pode ver o hino, cantado pelo grupo de jovens de BKM Horten, durante um festival de canções em Brunstad no ano de 2010.

{youtube=9f7YVGDHvHM&width=700}

 

Ensinamentos-chave

Descubra como a Palavra de Deus nos desafia e motiva a viver 100% de acordo com a Sua vontade, assim que não precisamos mais cair em pecado, mas que podemos chegar a uma vida de vitória.

Baixar e-book grátis

Eu estou crucificado com Cristo

Este livreto é baseado nas palavras de Paulo em Gálatas 2:20: “Eu estou crucificado com Cristo; não vivo mais eu, mas Cristo vive em mim …” Aqui Elias Aslaksen explica o que isto quer dizer e como os leitores podem ter o mesmo testemunho que Paulo em suas próprias vidas.

Siga-nos