Preparando-se para o fim dos tempos

Não temos todas as respostas sobre o fim dos tempos. Mas você sabe o que é o mais importante que se pode fazer para se preparar?

Escrito por CristianismoAtivo
Preparando-se para o fim dos tempos

O “fim dos tempos” pode ser um grande ponto de interrogação. Conhecemos termos como “a grande tribulação”, “Dia do Julgamento”, “o anticristo”, mas não temos 100% de certeza do que se trata. Podemos pesquisar essas coisas no Google e encontrar uma grande variedade de explicações, incluindo previsões do dia do juízo final e teorização. Pode levar a muita incerteza e até medo.

Como podemos saber se é o fim dos tempos?

A verdade é que o próprio Jesus disse, “Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai…” Mateus 24:36. É claro que a Bíblia nos dá várias pistas e sinais que podemos procurar. Podemos ler sobre isso nos livros de Apocalipse, Tessalonicenses e Daniel, além de vários outros profetas. Jesus também nos dá alguns sinais para procurar nos evangelhos. Mas ninguém pode nos dizer exatamente o que vai acontecer e quando.

Mas para aqueles que amam a Cristo, a coisa mais importante a saber sobre o fim dos tempos é que não temos absolutamente nada a temer. (Lucas 12:32; Hebreus 13: 6.) O que sabemos é que, para nós, essas coisas significam que finalmente seremos levados a estar com nosso Salvador por toda a eternidade. Esse é o objetivo de nossas vidas – vivemos para o dia em que o encontraremos e estaremos com ele para sempre! Portanto, em vez de nos preocuparmos e temermos, podemos esperar com grande expectativa esse dia. Esse é o dia que estamos esperando, vivendo, desejando!

Jesus nos disse como devemos reagir em Lucas 21:28: “Ora, quando estas coisas começarem a acontecer, olhai para cima e levantai as vossas cabeças, porque a vossa redenção está próxima.” Existe nossa esperança, conforto e descanso nisso! Podemos encontrar muita paz em saber que nossa redenção está se aproximando!

Esteja pronto!

“Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis.” Mateus 24:44.

Portanto, não sabemos se isso ocorrerá em nossa vida. Não sabemos se daqui a 100 anos, 25 anos, 10 anos ou amanhã. Mas se tivéssemos a mente da noiva de Jesus e soubéssemos que ele não viria nos próximos 100 anos, e tivéssemos a oportunidade de viver aqui na Terra o tempo todo, não amaríamos e serviríamos a Jesus da mesma maneira? Ainda não usaríamos todos os momentos daquele tempo para viver para ele?

Porque não devemos começar a pensar sobre isso e procurar nos preparar quando houver coisas que pareçam sinais óbvios ou prováveis dos tempos. Toda a nossa vida deve ser vivida com um espírito de expectativa para aquele dia em que finalmente conheceremos nosso Senhor e Salvador – nosso noivo. (Leia a parábola das 10 virgens em Mateus 25). Não vivemos de tal maneira que, quando pensamos que é o fim dos tempos, lutamos loucamente para tentar entrar pela porta. Vivemos a vida inteira nos preparando para este dia. E é o nosso amor por Jesus, que nos amou primeiro, que nos constrange. (1 João 4:19; 2 Coríntios 5:14.)

Faça a vontade do Pai no céu

“E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho.” João 14:3-4. Jesus disse que está lá agora, preparando um lugar para nós. E um dia nos uniremos a ele lá na eternidade! Mas há um caminho que precisamos seguir para chegar lá – e sabemos o caminho. Ele é o caminho. Ele nos mostrou o caminho. E ele nos disse que “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.“. Mateus 7:21. Então esse é o caminho a percorrer. Procurando ativamente e fazendo a vontade de Deus. E qual é a vontade de Deus? Que não pecamos, na medida em que temos luz e entendimento.

Leia mais sobre o que quer dizer fazer a vontade de Deus, aqui: “Se me amas, guarde os meus mandamentos”

Paulo escreveu a Timóteo sobre os tempos perigosos que virão nos últimos dias. Mas o que ele descreveu como tempos perigosos não foram desastres, tribulações e catástrofes. Ele definiu perigo como um momento em que as pessoas serão amantes de si mesmas, amantes do dinheiro, orgulhosas, sem amor, obstinadas, entre muitas outras coisas. (2 Timóteo 3: 1-5.) É aí que está o verdadeiro perigo: viver de tal maneira que nos tornemos uma dessas pessoas. Mas se andarmos no Espírito, não cumpriremos as concupiscências da carne. (Gálatas 5:16.) Ele nos mostrará quando essas coisas surgirem em nós do pecado em nossa carne. Então podemos reconhecer que, amamos a verdade sobre nós mesmos e vencemos essas coisas através dele! É isso que nos impede de tempos perigosos!

Como podemos ter certeza de que estaremos prontos quando ele vier?

Se estamos vivendo conscientemente e fielmente para ele, não precisamos ter medo de não estarmos prontos. Não precisamos pensar: “Ainda tenho tempo suficiente para me preparar?” Tudo o que é necessário é que somos fiéis neste momento. Portanto, embora toda uma longa vida de fidelidade e preparação seja ótima, também é verdade que, se começarmos agora e formos fiéis a partir de agora, não importa quando esse dia chegar, seremos considerados justos. Portanto, não há pânico de que precisamos de um número X de anos para nos preparar. Se formos fiéis a fazer a vontade de Deus, seremos levados ao reino dos céus. Então nós pertencemos lá.

“Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus. Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra; Porque já estais mortos, e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus. Quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, então também vós vos manifestareis com ele em glória.” Colossenses 3:1-4.

“Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos. E qualquer que nele tem esta esperança purifica-se a si mesmo, como também ele é puro.” 1 João 3:2-3.

Seremos como ele e estaremos com ele por toda a eternidade. Este é o nosso objetivo final, o desejo do nosso coração. Pelo que vivemos, pelo que toda a nossa vida gira. Nosso amado Salvador e noivo. Para que possamos realmente erguer a cabeça e aguardar ansiosamente o dia em que finalmente o encontraremos e estaremos com ele para sempre!

Você pode estar interessado em ler mais nos seguintes artigos:

Baixar e-book grátis

A noiva do cordeiro, a prostitute e o final dos tempos

Escrito por Sigurd Bratlie

Uma interpretação muito clara das profecias testemunhadas por João no livro do Apocalipse. Escrito logo após o final da Segunda Guerra Mundial, o livro é ainda mais relevante no mundo em que vivemos hoje. Ele foca na importância de viver uma vida temente a Deus no tempo antes da volta de Jesus.