Um Ano novo cheio de esperança

Mais um ano chegou ao fim deixando suas marcas permanentes em nossas vidas.

Escrito por Gary Fenn
Um Ano novo cheio de esperança

Mais um ano chegou ao fim deixando suas marcas permanentes em nossas vidas.

Fazendo uma reflexão sobre esse ano, nós como cristãos podemos ver uma grande quantidade de coisas pelas quais podemos agradecer a Deus, mesmo que em muitas áreas ainda temos que dizer como Paulo, “Não que o tenha alcançado, nem que seja perfeito, mas sigo para o alvo.” (Filipenses 3:12)

Se temos continuado na fé do evangelho, entramos nesse novo ano como uma pessoa nova, tendo experimentado a promessa de Deus da transformação mediante a renovação de nosso entendimento. (Romanos 12:1,2) Mesmo que nosso homem exterior vai se desgastando, o homem interior se renova dia a dia. Assim que não temos razão para desanimar, senão que podemos avançar valentes no caminho da vida, tendo nossa confiança em Deus, o qual opera em nós, tanto o querer quanto o efetuar segundo a sua boa vontade.

Paulo também escreve que Ele começou a boa obra em nós e que a aperfeiçoará até o dia de Jesus Cristo (Filipenses 1:6). Isto significa que o que sobra da velha vida; seus desejos carnais, seus velhos hábitos enraizados, opiniões pré concebidas, entendimento  e juízo humano,  e todo o vestígio de maldade, serão limpados pelo amor e verdade de Deus. Com este fim Deus faz com que todas as coisas nos cooperam para o bem, para sermos feitos conforme a imagem de Seu Filho. (Romanos 8:28,29)

Nossa tarefa  é permanecer na mente de Cristo, quem se humilhou a si mesmo, sendo obdiente até a morte, inclusive a morte na cruz. Porque, se fomos plantados juntamente com ele na semelhança da sua morte, também o seremos na da sua ressurreição;Romanos 6:5

E ele que estava no trono disse: Eis que faço novas todas as coisas”. Apocalipse 21:5. Que grande esperança é ter nosso coração no novo ano que começa!

Baixar e-book grátis

Eu estou crucificado com Cristo

Escrito por Elias Aslaksen

Este livreto é baseado nas palavras de Paulo em Gálatas 2:20: “Eu estou crucificado com Cristo; não vivo mais eu, mas Cristo vive em mim …” Aqui Elias Aslaksen explica o que isto quer dizer e como os leitores podem ter o mesmo testemunho que Paulo em suas próprias vidas.