Nosso Mestre de Justiça

A vida de Jesus foi a lição definitiva da justiça, e ele nos enviou um ajudante para nos ensinar a aprender a justiça dele.

Escrito por CristianismoAtivo
Nosso Mestre de Justiça

A justiça de Jesus

Foi uma enorme bênção, encorajamento e inspiração para os discípulos estarem juntos com Jesus. Eles ouviram a sua sabedoria e foram capazes de tocar e manusear a Palavra da vida! (1 João 1: 1.) Eles sentiram que as palavras de Jesus eram vivificadoras. Muitos fariseus e saduceus procuraram nas Escrituras a vida eterna, mas não estavam dispostos a ir a Jesus para encontrá-la! (João 5: 39-40.) Se queremos vida, temos que ir a Jesus. Temos que começar a beber a água viva que está nele, para que ela se torne uma fonte dentro de nós! Então pode fluir para aqueles que nos ouvem. E isso será uma bênção incrivelmente grande.

É por isso que os discípulos ficaram com um pouco de medo quando ouviram que Jesus estava indo embora. Pedro até lhe disse: “Isso não acontecerá com você!” Mas Jesus sabia que tinha que ser sacrificado, e foi por isso que disse a Pedro, que talvez fosse seu melhor discípulo: “Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas só as que são dos homens. ”Mateus 16: 21-23. Isso ficou muito claro para ele. Ele sabia o caminho e para onde tinha que ir.

O Espírito Santo: O Mestre da Justiça

Mas, a fim de confortar os discípulos, ele lhes disse: “Todavia digo-vos a verdade, que vos convém que eu vá; porque, se eu não for, o Consolador não virá a vós; mas, quando eu for, vo-lo enviarei. ”João 16: 7. O próprio Jesus era uma obra de Deus, do Espírito eterno que estava em Deus. E agora o Espírito Santo contém a vida de Jesus; Ele é doador de vida. E ele está fazendo em nós o mesmo trabalho que Deus fez em Jesus. Ele é o Mestre da justiça, e onde a justiça se manifesta há descanso e é bom que as pessoas estejam lá.

Existem tumultos e protestos em todo o mundo precisamente porque aqueles que deveriam estar no comando e estão governando, fazem as coisas sem razão. A inquietação e os problemas são um resultado direto disso. Mas quando o Mestre da justiça nos ensina a fazer o que é certo, então é bom e abençoado e a bênção de Deus vem sobre nós.

Temos essa plenitude de bênçãos quando aprendemos que Jesus se torna gentil, ou manso e humilde de coração, por exemplo. (Mateus 11:29.) Não somos assim por natureza; é algo que temos que aprender. Não temos mansidão como um presente que desce do céu. É o Espírito Santo que nos ensina a ser mansos. O Espírito nos fala sobre nossa própria vida, e onde há pecado que precisa ser morto pelo Espírito. E então entramos em um desenvolvimento em Deus e as coisas que pertencem ao Senhor surgem em nós cada vez mais. Dessa forma, nos tornaremos uma tremenda bênção para as pessoas

“Aquele que vencer”

Portanto, não é uma questão de compreensão e inteligência. É uma questão de crer em Deus e de se render completamente à sua vontade. Então aprendemos a justiça. O Espírito falou a todas as sete igrejas da ��sia: “Aquele que vencer como eu venci.” Uma das promessas gloriosas para os que venceram é esta: que eles se assentarão com ele nos tronos e julgarão as tribos de Israel. (Revelação 3:21; Mateus 19:28.)

“Como eu venci”, disse ele. Essa é a intenção. Em outras palavras, devemos ser como Jesus, conformados à sua imagem. (Romanos 8:29.) No segundo e terceiro capítulos de Apocalipse, vemos muito claramente do que se trata esta vida. Tudo nos leva à vitória sobre o pecado. Então uma nova vida e um desenvolvimento glorioso ocorrerão em nós.

Este artigo é baseado em uma fala de Kaare J. Smith do dia 18 de novembro de 2019

Você pode estar interessado em ler mais na nossa página de tópicos sobre o Espírito Santo, ou nos seguintes artigos:

Baixar e-book grátis

O evangelho de Deus

Escrito por Sigurd Bratlie

Graça significa que todo o nosso pecado é perdoado quando o confessamos. Mas ela também significa que nós recebemos poder para obedecer à verdade que Jesus trouxe. Neste livro, Sigurd Bratlie fala sobre isso, mostrando o verdadeiro evangelho de Deus, que é a obediência da fé.