Jesus: Filho do Homem, ou Filho de Deus?

“Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado a ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus, que prometeu de antemão através dos seus profetas nas escrituras sagradas, o evangelho relativo ao seu Filho, que era descendente de Davi segundo a carne e designado filho de Deus no poder de acordo com o Espírito de santidade por sua ressurreição dentre os mortos, Jesus Cristo, nosso Senhor “. Romanos 1: 1-4.

Os profetas do Antigo Testamento profetizaram sobre Jesus em Isaías 7: 14-15, em Isaías 9 e em Isaías 53. Também lemos sobre Ele em Miquéias 5 e em muitas outras escrituras. No Novo Testamento podemos encontrar profecias sobre ele em Lucas 24: 25-27, Atos 18:28, 1 Pedro 1: 10-13, e outros lugares.

Nos versos acima, Paulo explica brevemente em duas partes o evangelho de Deus a respeito de Jesus:

(1) quem é de acordo com a carne, e
(2) Quem Ele é de acordo com o Espírito.

Se ignorarmos ou mudarmos uma dessas partes, não temos o evangelho de Deus.

O que significa que Ele foi descendente de Davi segundo a carne? Simplesmente, significa o que diz. Nós conhecemos Davi e sua semente. Paulo era da mesma linhagem. Hebreus 2:16. Paulo diz sobre ele: “Pois eu sei que nada de bom habita dentro de mim, isto é, na minha carne”. Romanos 7:18. E a carne de Jesus era assim.

De acordo com o Espírito de santidade, Ele foi designado Filho de Deus no poder por Sua ressurreição dentre os mortos. Nós também não podemos mudar esse fato. Então surge a pergunta: quando Ele veio à Terra nesse corpo que foi da descendência de Davi, Ele veio com toda a plenitude de Deus no Seu Espírito? A resposta é “Não”, porque está escrito: “… quem, apesar de estar na forma de Deus, não se igualou a Deus como uma coisa a ser apreendida, mas aniquilou-se, assumindo a forma de um servo, nascendo na semelhança dos homens. E, encontrando-se na forma humana, se humilhou e tornou-se obediente até a morte, até a morte numa cruz.” Filipenses 2: 6-8. Muitas vezes ouvimos dizer: “Ele era o verdadeiro Deus e o verdadeiro Homem”. Mas isso não é verdade se você quer dizer que Ele manteve toda a plenitude de Deus quando Ele veio à terra no corpo que era da semente de Davi. Nem esta afirmação é apropriada à luz do que está escrito em Hebreus 12: 2, “… olhando para Jesus o autor e consumador da nossa fé”.

Continue lendo para descobrir o que o evangelho completo de Deus sobre Jesus significa para nós hoje.

Este artigo é o primeiro capítulo do livro “O Evangelho de Deus” de Sigurd Bratlie, publicado pela Stiftelsen Skjulte Skatters Forlag em 1988. Foi traduzido do norueguês.
© Copyright Stiftelsen Skjulte Skatters Forlag

1

Introdução

Por que é tão significativo para nós que Jesus “nasceu da semente de Davi”?

Ler mais
2

Por que Jesus teve que aprender obediência?

Jesus poderia pecar? Por que essa questão é de suma importância para os cristãos?

Ler mais
3

Jesus: Filho do Homem, ou Filho de Deus?

“Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado a ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus, que prometeu de antemão através dos seus profetas nas escrituras sagradas, o evangelho relativo ao seu Filho, que era descendente de Davi segundo a carne e designado […]

Ler mais
4

O plano de salvação de Deus – O que a lei não podia fazer

O trabalho de Deus com as pessoas – a lei “Deus, que em vários momentos e de várias maneiras, falou nos tempos passados pelos profetas, nos últimos dias nos tem falado por Seu Filho, a quem Ele designou herdeiro de todas as […]

Ler mais