Ir para o conteúdo

Realmente livre!

A distribuição do prêmio Nobel da Paz pode realmente levar a guerra. O que é liberdade pessoal e o que traz liberdade?

A distribuição do prêmio Nobel da Paz pode realmente levar a guerra. O que é liberdade pessoal e o que traz liberdade?

Muitas pessoas acompanharam o prêmio Nobel da paz de 2010. O interesse coletivo de todas as pessoas ao redor do mundo tem despertado o olhar para esse acontecimento internacional. Por todos os tempos foi lutado por liberdade, mas é triste constatar que são poucos os que realmente ouviram que é possível receber uma liberdade maior e mais profunda. Se trata de uma liberdade interior, da qual Jesus diz „realmente livre“.

Somos livres?

Se somos honestos, então temos que reconhecer que, mesmo quando queremos ser bons, fortes e alegres, como humanos estamos muito longe de sermos perfeitos.

Pessoalmente ainda lembro que eu tentava dar um sorriso amável enquanto estava irritado, mas ao invés disso apenas saíram palavras más. Em uma outra ocasião eu não conseguia perdoar uma pessoa que tinha me machucado, apesar de tentar manter a amizade que nos unia.

Na bíblia está escrito: Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas…“ (Filipenses 2, 14), mas é quase impossível para nós, não termos pensamentos negativos, quando as coisas não funcionam tão bem e sentimos que chegamos rapidamente nos nossos limites, e ainda fazer como Paulo escreve em Filipenses 4, 6:  „Não estais inquietos!“

Que vantagem temos em poder falar e agir livremente na sociedade, mas no interior se está completamente amarrado, quando se trata de fazer o bem?

A razão das brigas pode ser vencida!

É o pecado que nos prende. (Romanos 6,16) Não podemos vencer sem lutas! Muitos não sabem que Jesus foi o primeiro que lutou essa batalha. Ele nasceu com a mesma natureza humana que você e eu temos, com isso ele foi tentado da mesma forma que nós. Ele foi o primeiro que lutou contra as paixões na sua carne e também contra as inclinações para cometer pecado.

De onde vêm as guerras e pelejas entre vós? Porventura não vêm disto, a saber, dos vossos deleites, que nos vossos membros guerreiam?“ Tiago 4,1.  Jesus também experimentou essas inclinações na sua natureza humana, mas ao invés de ceder para estas ele pediu a Deus por ajuda. Através da força de Deus ele tomou sobre si a luta diária contra sua própria carne, e venceu tudo que queria impedi-lo de fazer o bem.

Jesus se tornou o príncipe da paz com a mesma natureza que você e eu. Ele chegou a liberdade do pecado ao rejeitar a sua própria vontade e recebeu natureza divina. Ele abriu o caminho para uma vida eterna com Deus! (Romanos 6,22-23)

Realmente livre

Você está disposto a entregar a tua por tal liberdade? Você tem coragem suficiente para seguir a Jesus e negar-se a si mesmo na hora da tentação, para que possas fazer a vontade de Deus? Através da fidelidade e obediência você vai receber essa liberdade: poder amar e ser bom, tendo uma vida justa e sendo uma benção para os outros. Jesus respondendo-lhes disse: Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado. Ora o servo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre. Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.“ João 8,34-36.

Então o Príncipe da Paz vai te dar o prêmio final: Uma vida eterna!

 

Ensinamentos-chave

Descubra como a Palavra de Deus nos desafia e motiva a viver 100% de acordo com a Sua vontade, assim que não precisamos mais cair em pecado, mas que podemos chegar a uma vida de vitória.

Baixar e-book grátis

Eu estou crucificado com Cristo

Este livreto é baseado nas palavras de Paulo em Gálatas 2:20: “Eu estou crucificado com Cristo; não vivo mais eu, mas Cristo vive em mim …” Aqui Elias Aslaksen explica o que isto quer dizer e como os leitores podem ter o mesmo testemunho que Paulo em suas próprias vidas.

Siga-nos